Tortuosidade

março 07, 2018

  

  
  Todo mundo já ouviu o famoso ditado "Se os olhos não veem, o coração não sente", e isso se encaixa muito para mim. Não sei se é porque eu reprimo minhas palavras e parte dos meus sentimentos, ou se é porque eu sinto demais nas partes não reprimidas e não tem como evitar. Não há como evitar o inevitável. 



  Pequena parte de mim não quer sentir, mas a maior parte quer e por isso eu acabo sentindo. No momento, sinto tristeza. Sinto vontade de me levantar da cadeira e sair andando com meus fones nos ouvidos. Andar até cansar e minhas pernas dizerem "chega!", ou até meus pés começarem a sangrar. Sinto também vontade de chorar, mas chorar tanto até minha camisola ficar encharcada. Aliás, faço isso no momento.
  Estou em um dos meus "piores dias". Aqueles dias ruins que todos os seres humanos têm que conviver. Dias que só em acordar, já sentimos no ar aquele cheiro de que não vai acontecer algo de bom. Quem sabe no próximo dia?
  Estou amargurada. Queria que acontecessem coisas boas todos os dias, mas de certa forma, acabaria entrando numa rotina e a felicidade deixaria de existir. Afinal, se existe felicidade é porque antes existiu tristeza e é por isso que damos valor quando aquela vem.
  Eu queria escrever muitas coisas, mas tenho medo do que posso escrever. Ainda sou muito acanhada nas palavras, tanto ditas, quanto escritas. Escrever é como falar com os dedos. É um mundo infinito de palavras e sentimentos bons e ruins. Uma porta para quem precisa sair e ver a luz do sol. Mas quem disse que eu quero o sol?
  Escrever me relaxa. Reli o texto tantas vezes que até parei de chorar. Isso é bom, não?
  Não sei se eu escrevo isso por mim ou para meu futuro leitor, que é você. Isso mesmo, como consegue perder tanto tempo lendo pensamentos desnecessários de uma menina? Eles são confusos.

Tudo que eu escrevo aqui é confuso pois é parte de mim. Tenho um turbilhão de pensamentos e sentimentos que não sou capaz de entender, e acho que eu também nem quero.


_______________________________________________________

Em momentos de tristeza, escreva. 
(Texto antigo mas de grande importância para mim)

Leia também :

0 comentários

Olá! Deixe aqui sua crítica, dúvidas e sugestões.
Não se esqueça de marcar a opção "NOTIFIQUE -ME" para saber a resposta!
Até breve!